QUANTOS ANOS VOCÊ TEM?

outubro 29, 2009 at 11:41 pm 8 comentários

Houve um tempo em que ou você era bebê ou era adulto. Uma criança era vista como um adulto pequeno, já possuía suas responsabilidades. Fosse estudar pra um dia herdar o trono, fosse trabalhar numa jornada de trabalho igual ou pior a dos mais velhos. Com o tempo o conceito de infância foi criado, assim como o de velhice surgiu a partir do momento que os homens começaram a sobreviver aos anos de trabalho.

Hoje estamos caminhando para nos tornarmos todos crianças até morrer com 100 anos de idade. Aí está a indústria de cosméticos e da moda nos vendendo a eterna juventude. A medicina estética também vai na mesma toada. Toda essa gente esticada que se acha linda e “com cara de nova” está por aí desfilando e se achando o máximo. O cinema é feito “para toda a família”, ou seja, o público inteiro é tratado como se tivesse a mentalidade de uma criança de 6 anos. E os produtores não parecem estar muito errados…

Como diz um dos personagens do filme Cão sem Dono, hoje a adolescência vai dos 12 ao 32.  O que, olha só, ainda me torna adolescente, mesmo com esses dois fios brancos na barba querendo me dizer o contrário. Legal, posso me achar maduro pra fazer o que quiser e ainda ter tempo pra tirar uma soneca quando voltar do colégio, certo?

Sonhamos todos em nos transformar em Zeus, assassinando Cronos e nos tornando o principal deus do Panteão. Só que o Abismo nos mantém sempre acordados, mandando seus sinais.  É o chefe implicando com a vírgula que você botou no lugar errado, é o trânsito ou transporte coletivo roubando horas de sua vida, são as parcelas intermináveis daquilo que você comprou e agora vê que nem precisava tanto assim, é o seu pau que só sobe com uma azulzinha – sempre tem algo pra nos lembrar que não, não somos deuses. E putaqueopariu, como isso é frustrante!

Para um homem, nada dói mais do que fazer um exame de próstata. Numa dedada, toda aquela masculinidade que você lutou por anos pra manter vai por água abaixo. A recusa ao exame é o último bastião permitido para o machismo – é feio querer se dizer superior as mulheres, bater nelas nem pensar, tem que dar satisfação de como gasta o dinheiro, ajudar nas tarefas domésticas, cuidar das crianças, chamar alguém de veado é preconceito, MAS NA MINHA BUNDA NINGUÉM ENCOSTA!!!

É, amigão, sinto te dizer, mas sua hora vai chegar. Vai ter que arriar as calças, ficar de quatro e abrir seu anel pro dedo do doutor poder entrar. E vai ser nessa hora que o Abismo, gargalhando, vai te perguntar: “Quantos anus você tem?”.

Anúncios

Entry filed under: Uncategorized. Tags: , .

Acenos do Abismo FALA EVA E ADÃO BEM RÁPIDO

8 Comentários Add your own

  • […] QUANTOS ANOS VOCÊ TEM? « Acenos do Abismo acenosdoabismo.wordpress.com/2009/10/29/quantos-anos-voce-tem – view page – cached Houve um tempo em que ou você era bebê ou era adulto. Uma criança era vista como um adulto pequeno, já possuía suas responsabilidades. Fosse estudar pra um dia herdar o trono, fosse trabalhar… (Read more)Houve um tempo em que ou você era bebê ou era adulto. Uma criança era vista como um adulto pequeno, já possuía suas responsabilidades. Fosse estudar pra um dia herdar o trono, fosse trabalhar numa jornada de trabalho igual ou pior a dos mais velhos. Com o tempo o conceito de infância foi criado, assim como o de velhice surgiu a partir do momento que os homens começaram a sobreviver aos anos de trabalho. (Read less) — From the page […]

    Responder
  • 2. Ludimila  |  outubro 30, 2009 às 11:00 am

    Já que as mulheres menstruam, engravidam, depilam, fazem exames ginecológicos, pelo menos por essa invasão de privacidade não temos que passar.

    Responder
    • 3. rafaelluppi  |  outubro 30, 2009 às 11:15 am

      Nem da pra comparar o sofrimento de vocês com o nosso! Mas pros homens fazer esse exame é um grande tabu, difícil de aceitar… Eu mesmo não aceito a idéia de que um dia terei de passar por isso! 🙂

      Responder
  • 4. Danilo Valeta  |  outubro 30, 2009 às 11:28 am

    Quer dizer que cedo ou tarde algo adentra o seu abismo?

    Eu, hein?

    Responder
    • 5. rafaelluppi  |  outubro 30, 2009 às 11:31 am

      E o seu também, meu amigo. O seu também! 🙂

      Responder
      • 6. Danilo Valeta  |  outubro 30, 2009 às 11:33 am

        Tenho fé na medicina, na nanotecnologia e na morte precoce por cirrose.

  • 7. rafaelluppi  |  outubro 30, 2009 às 11:41 am

    Deus queira que você esteja certo!

    Responder
  • 8. coutoandre  |  junho 21, 2010 às 11:29 pm

    Caríssimo autor,

    muito verossímil tudo isso, realmente DEUS deixa para nós homens um lembrete que nós não somos nem capazes de nos imaginar deuses, tenho um post antigo em meu blog relacionado a isso da uma “lidazinha”
    http://coutoandre.wordpress.com/2010/06/17/decepcao-passageira/

    At.
    COUTO, andré

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Agenda

outubro 2009
S T Q Q S S D
« ago   nov »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

Most Recent Posts


%d blogueiros gostam disto: